quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Like a White Snow...

Começando a postagem com uma frase da minha música favorita do AAA...  acordei romântico por sabe-se lá o motivo. Talvez seja resultado da noite de ontem, conversando com dois carinhas, e de fato desinteressado em ambos, mas como resultado imprimiram em mim ainda mais carência. Vida que segue.



Esperando a aula começar e hoje a Internet está de brincadeira com minha cara, e eu na verdade só consigo pensar nas coisas que tenho pra fazer e nas coisas que quero fazer. Como disse um filósofo um dia, tem coisa que eu posso fazer mas não devo. Tem coisa que eu não posso mas quero. E tem coisa que eu devo mas não quero.

Essa semana está passando devagar. O exterior está bem, mas o interior... está pior que aquele índio mexicano depois de ter vendido Manhattan pra George Washington por uma foto da Betsy Ross levantando a saia. O sono me persegue por cada minuto e parece que quanto mais durmo, mais sono eu tenho. Mal acordo e já estou cansado. Em contrapartida estou com a matéria atrasada, um monte de livros pra ler (e comprando mais) e ainda passo mais tempo no WhatsApp e no Facebook do que fazendo qualquer outra coisa. Procrastinação define.

Bom, o semestre está no fim, falta pouco mais de um mês pra que eu volte pra casa. Saudades das paróquias de lá, dos meus amigos...  O semestre vai terminar aqui no dia 08 de Dezembro, Solenidade da Imaculada Conceição. E viva a Imaculada! Estou cansado, preciso de férias. E de acordar tarde e passar o dia vendo séries. Ah, como eu preciso. Bom, de qualquer forma, falta muito pouco.

Mudando da água pro vinho...

Acho que estou amadurecendo um pouco no que se refere ao emocional. Não tenho me apegado tanto as pessoas como temia que acontecesse. Isso é otimo. Chega de ficar sofrendo... Haha
Mais tarde teremos folga hoje de novo. Pelo menos posso diminuir o ritmo é descansar um pouco. E amanhã tem adoração de novo, estou ansioso por ouvir novamente o que Jesus tem a me dizer nas cartas de Santa Catarina de Sena...

Nenhum comentário:

Postar um comentário